Quais São os Tipos de Exames Para Cirurgia Plástica?

5/5 - (4 votes)
5/5 - (4 votes)

Quais São os Tipos de Exames Para Cirurgia Plástica?

A cirurgia plástica é o procedimento estético mais procurado por mulheres e homens que desejam melhorar a harmonia do rosto e do corpo. Além de realçar a beleza, as expectativas de uma cirurgia plástica masculina e feminina envolvem a melhora da autoestima, qualidade de vida e desenvoltura no comportamento.

A preparação para a cirurgia plástica envolve cuidados com a saúde física e mental. Por isso, é necessário que o paciente realize exames para cirurgia plástica, para que médico e paciente conheçam o real quadro de saúde geral e evitar possíveis complicações.

Os exames para cirurgia plástica são necessários para identificar possíveis doenças, infecções e outros fatores que podem comprometer o ato do procedimento cirúrgico e até mesmo interferir o resultado final. Alguns procedimentos necessitam de exames clínicos específicos, entretanto, os exames mais comuns são:

Hemograma

A coleta de sangue realizada em laboratório é fundamental para o médico cirurgião plástico obter uma visão geral do estado de saúde do paciente, observando a quantidade de glóbulos vermelhos para identificar possíveis infecções. Por ser um exame completo, é possível identificar quadros de anemia e leucemia.

Caso alguma doença ou condição seja identifica, o médico fará todas as orientações necessárias para o tratamento adequado. Nenhuma cirurgia plástica pode ser feita em pacientes com condições de doenças para que não ocorra nenhuma complicação durante o procedimento e no pós-operatório.

Eletrocardiograma

Qualquer procedimento cirúrgico causa o estado de grande estresse no organismo. O eletrocardiograma é o exame necessário para identificar a resistência, as condições de saúde do coração e identificar possíveis condições que podem comprometer a vida do paciente.

A partir do eletrocardiograma, o cirurgião plástico é capaz de identificar qual o melhor tipo de procedimento anestésico para cada paciente.

Glicemia

O exame de glicemia mede o nível de açúcar para identificar hipoglicemia ou hiperglicemia. Caso o exame identifique o diabetes, é necessário que o médico cirurgião plástico avalie se é possível realizar o procedimento cirúrgico determinado, pois em alguns casos, o risco de infecção é alto e a diabetes pode prejudicar o processo de cicatrização.

Beta HCG

O exame de Beta HCG é feito através da coleta de amostra de sangue para a identificação de gravidez. Em casos de resultado positivo, a cirurgia plástica deve ser suspensa imediatamente.

Coagulograma

Outro importante exame para a cirurgia plástica é o coagulograma que consiste no teste de coagulação do sangue do paciente. A partir do resultado, o médico cirurgião plástico pode identificar o tempo de sangramento, tempo de coagulação, número de plaquetas e tempo de tromboplastina parcial. Caso os resultados não estejam de acordo, o procedimento cirúrgico pode ser suspenso.

Raio X do Tórax

O exame de imagem do tórax tem a finalidade de avaliar o funcionamento dos pulmões, principalmente em casos de pacientes fumantes. Através do exame de Raio X também é possível identificar possíveis problemas no coração, nos vasos sanguíneos e nos ossos.

Todos os exames são necessários para garantir a saúde do paciente durante a após o procedimento cirúrgico.

Postagens Relacionadas

Entre em Contato
Notícia em destaque Fechar Janela

Gshow

Aos 51 anos, Mônica Carvalho faz novo procedimento estético para desfilar como musa da Grande Rio.

Mônica Carvalho faz novo procedimento estético Ver matéria